ACM ICPC World Finals 2010

Durante os dias 1 a 5 de Fevereiro de 2010 ocorreu a final mundial da ACM ICPC (International Collegiate Programming Contest). Técnicamente a prova só acontece no dia 5 de Fevereiro, sendo que nos outros dias temos atividades de lazer e simulação/aquecimento da prova.

Nas competições passadas, a viagem era bancada pela SBC, porém este ano a organização brasileira decidiu usar o dinheiro do patrocínio para custear o acampamento durante o mês de Janeiro, na USP. Dado isso, tivemos que correr atrás do financiamento. Inicialmente, nosso técnico Alberto pediu dinheiro para o Instituto de Computação, mas este estava com o caixa zerado. Ele então foi atrás da reitoria da Unicamp, que só aceitava pagar metade das passagens. No final das contas o Alberto desistiu de ir para o mundial, o IC usou uma verba da pós-graduação para pagar a minha passagem e as outras duas foram compradas pela reitoria.

Só conseguimos passagens partindo de São Paulo dia 28 de Janeiro, chegando em Harbin dia 30. Depois de negociar com a agência de viagens responsável pela compra das passagens, conseguimos mudar o itinerário para chegar dia 30 em Pequim e só ir para Harbin no dia 1 de Fevereiro. Uma vez que já íamos ficar 5 dias em Harbin, achamos mais proveitoso passar o tempo extra em Pequim.

Viajamos para a China em um dos períodos mais frios do ano. A cidade de Pequim lembra muito São Paulo com seus arranha-céus, mas fiquei com a impressão de que a primeira é bem mais limpa e bem cuidada. Infelizmente, por falta de organização e conhecimento, só conseguimos visitar a Cidade Proibida durante os três dias de nossa estadia.

Vista da Cidade Proibida

No dia 1 de Fevereiro chegamos ao aeroporto de Harbin, onde fomos recepcionados por um grupo de voluntários do ICPC. O ônibus que nos levaria ao hotel demorou a sair e por isso chegamos bem em cima da hora, sendo os últimos a fazer o check-in e registrar nosso time na competição.

Dia 2 de Fevereiro fomos a um parque de exibição de esculturas de neve na Sun Island. Tinha muita escultura legal (e gigante!). Acabamos descobrindo que a neve era feita artificialmente ralando gelo.

Exibição de esculturas de neve, Sun Island

Dia 3 de manhã fizemos uma prova de aquecimento e para familiarização com o ambiente de programação. Almoçamos no refeitório da universidade à la bandex com arroz, repolho cozido, carne de porco e uns nuggets estranhos. Tudo com muita pimenta (exceto o arroz). Foi bom para espantar o frio!

Bandex chinês

À tarde pusemos a mão na massa e fizemos nós mesmos uma escultura de neve. Cada equipe tinha que fazer uma letra para formar a frase “ACM ICPC WORLD FINALS 2010 HARBIN ENGINEERING UNIVERSITY”. Ficamos responsáveis pela letra ‘B’, junto com a Universidade de Cantebury, da Nova Zelândia. À noite fomos ao tão esperado parque com esculturas de gelo brilhantes.

Ice and Snow World em Harbin

Na manhã do dia 4 de Fevereiro fizemos uma simulação da prova, pois este ano a competição foi transmitida por uma emissora de TV na China e eles precisavam ensaiar tudo direitinho. À tarde teve um trabalho recreativo organizado pela IBM, que era uma competição de montar brinquedos e resolver sudokus :P Depois teve uma palestra da IBM para falar de suas novas tecnologias [1].

 

Saguão da competição

Finalmente, no dia 5 de Fevereiro, tivemos a competição de verdade. Não vou entrar em detalhes sobre os problemas aqui, mas devo dizer que nossa estratégia de time, treinada várias vezes durante o ano passado, funcionou relativamente bem (na final brasileira não foi tão boa) e conseguimos ficar em terceiro entre os times brasileiros (na final brasileira ficamos em sexto). Enfim, conseguimos fazer 4 problemas e aparecer no placar (quem fez menos que 4 só apareceu na menção honrosa). A UFPE (Pernambuco) foi a campeã sul-americana e o mundial foi vencido pela Shangai Jiatong [2]. Curiosidade: Entre os 13 medalhistas só tem times da Ásia e da Europa, sendo que 10 deles são da China ou da Rússia.

Tambores barulhentos na cerimônia de encerramento.

Para encerrar a competição, fomos a um restaurante típico (só consegui comer as frutas da sobremesa :X) onde teve apresentações de danças chinesas e muita acrobacia.

Referência:
[1] Cronograma de Eventos
[2] Placar Final

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: